Bárbaro, versão 4.0

Uma classe que muitos jogadores estavam aguardando ansiosos finalmente ganhou sua versão para a quarta edição do D&D.

A classe está em uma fase de playtest, e será oficialmente lançada no vindouro Players Handbook 2, a ser lançado em 2009. Disponí­vel para download gratuito no D&D Insider, o pdf contendo a mecânica do barbarian vem completo, diferente da prévia do swordmage de Forgotten Realms que trazia apenas regras para subir até o ní­vel 3.

Ocupando o nicho de striker no grupo, o barbarian ainda é a máquina de matar que tanto alegrava os jogadores nas edições anteriores. A clássica fúria dos bárbaros agora é representado por poderes diários, cada um com um tema diferente. Quando usados, os poderes diários, além de causarem um dano considerável no oponente, fazem com que o personagem entre no estado de rage. Até o fim do combate, ou até o personagem chegar a 0 pontos de vida, você ganha habilidades especiais dependendo do poder que usou. O de ní­vel 1 chamado Swift Panther Rage, por exemplo, faz com que você se mova mais rápido (+2 na sua speed) e que seus shifts movam 2 quadrados. Seus ataques básicos também são mais efetivos quando se está em rage, causando dano extra ou aumentando os pontos de vida temporários ganhos.

Muitos dos poderes fazem com que o barbarian ganhe pontos de vida temporários, o que acaba compensando a armadura leve e o fato de se colocar na linha de frente junto com os defenders. Como a maioria dos poderes é voltada para causar o maior dano possí­vel, o bárbaro tem poucas opções defensivas, e no seu caso a solução é derrubar os oponentes o mais rápido possí­vel. O paragon path disponí­vel é o tradicional Frenzied Berserker, que continua lutando mesmo depois que seus pontos de vida chegam a zero.

A classe ainda está em desenvolvimento, provavelmente muitos dos poderes sofrerão alterações e novas opções serão adicionadas, mas é promissor o caminho que escolheram para o barbarian.

Goliaths, half-orcs e shifters são mencionados como opções de raça, o que é mais uma indicação de que elas devem estar presentes no Players Handbook 2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *